A cada semana vemos novidades para dispositivos móveis que tentam emular o sucesso dos melhores jogos do meio a partir de cópias. Já perdemos as contas dos jogos que se baseiam em Clash Royale, para citar um bom exemplo. Mas volta e meia os astros se alinham para nos oferecer um produto fresco, baseando-se em dois dos jogos mais importantes de iOS e Android. Badland Brawl é seu nome e nos propõe divertidos duelos PvP onde a física é, provavelmente, o fator mais importante.

Badland Brawl

É comum citar títulos de sucesso no título dos textos para incitar pessoas a lerem, mas também nos serve para por em contexto o leitor e destacar as raízes de uma obra. Porque sim, Badland Brawl pode parecer de primeira um filho entre Clash Royale e Angry Birds, mas na prática estamos falando de um jogo totalmente novo quanto ao seu desenvolvimento.

A obra de Frogmind nos convida a participar em duelos PvP de curta duração onde teremos que acabar com a torre inimiga e evitar que a nossa seja destruída. Até aqui tudo grita Clash Royale, e derivados, ainda mais quando vemos o sistema de baús (aqui ovos) e a subida de nível de nossas cartas. E mais, até a loja de Badland Brawl parece seguir o padrão do jogo da Supercell. Mas quando começamos a jogar o queixo cai: não se parece nada com Clash Royale.

Badland Brawl

Temos que viajar até os escritórios da Rovio para encontrarmos a mecânica principal de Badland Brawl: invocaremos nossas unidades lançando-as contra o cenário. E aqui a influência de Angry Birds fica mais do que clara, tendo até cartas que fazem referência a isso.

Nossa torre dispõe de uma espécie de catapulta com a qual lançaremos criaturas, bombas e tudo o que tivermos para conseguir a vitória. Em todo momento veremos o arco de lançamento que efetuarão e isto será vital para poder contrapor os ataques inimigos e realizar nossos próprios combos. Tudo isso baseado na física que rege o jogo e que é a mãe de todos os duelos.

Badland Brawl

Badland Brawl não se baseia tanto em lançar unidades na doida, mas sim em esperar o momento certo para isso. As bombas, e outros explosivos, são os artistas principais desta obra e teremos que utilizar o resto de nossas cartas de maneira inteligente para fazer KABOOM! na torre inimiga.

É muito fácil cair no caos que o jogo propicia, posto que na metade da partida vamos encontrar com um cenário repleto de bombas e unidades tentando ir de um lado a outro. Unidades que atacarão por terra ou por ar, sendo assim desordem total. Mas a verdade é que o festival de explosões em Badland Brawl não poderia ser mais divertido. E tudo isso melhora ainda mais graças ao fantástico aspecto gráfico do jogo. O universo da saga Badland é muito belo e isso se reflete de forma genial nos combates. Menção de honra para os espetaculares cenários, um dos motivos de peso para curtir Badland Brawl em telas grandes.

Badland Brawl

Caminhamos em um desfiladeiro de contradições entre Clash Royale e Angry Birds em Badland Brawl. Mas apesar de dizermos que este jogo seja influenciado pelas obras da Supercell e Rovio, a verdade é que estamos ante algo totalmente novo. Um jogo divertidíssimo que não poderíamos recomendar mais. E atenção, mal chegou e já temos um modo 2×2, um sistema de clãs e um bom número de jogadores esperando para jogar bombas em você.

Badland Brawl para Android na Uptodown [APK] | Baixar

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here